Se comer chocolates e outros doces com moderação, poderá não só não engordar como até perder algum peso.

O truque consiste em compensar esse excesso com redução de calorias e/ou exercício físico. A dietista Marisa Costa explica-lhe como.

Em primeiro lugar, deve estar atenta, para além dos seus próprios hábitos alimentares, às ocasiões em que o corpo lhe pede mais doce, bem como às alternativas que pode ter.

Estas são algumas das regras que deve seguir para manter o seu peso ou emagrecer:

- Depois de fazer exercício. Quanto mais exercício se pratica, mais açúcar o organismo requer. Procure ingerir os doces antes de fazer exercício e assim gastar as calorias em excesso. A seguir ao exercício, combata essa necessidade de doce com opções menos calóricas. Coma uma peça de fruta e duas ou três bolachas (tipo Maria ou torrada).

- Depois das refeições, opte, novamente, pela fruta. Em igual quantidade de calorias, o açúcar natural da fruta é mais bem aproveitado pelo organismo, engordando menos do que o açúcar comum.

- Quando se atravessam estados de ansiedade. Experimente comer uma maçã, que aporta 25 g de frutose, o equivalente a uma colher de sopa de açúcar e fornece, para além disso, vitaminas, minerais e fibra e facilita a digestão, o que não acontece com o açúcar. Também pode optar por um iogurte magro, já que existem actualmente inúmeras opções gulosas como o chocolate, a tarte de limão, entre outro.

- Durante a menstruação, nos dias que a antecedem e na menopausa. Se não conseguir renunciar ao açúcar, opte pela versão amarelo ou mel, porque em igualdade de calorias são menos prejudiciais do que o açúcar branco. E cuidado com as farinhas brancas, uma vez que estas têm muitos hidratos de carbono e proteínas, sendo pobres em vitaminas, minerais e fibras.

Por que lhe apetece tanto comer doces?

A nossa inclinação para o doce deve-se a várias causas:

- Aos hábitos alimentares familiares. Aquilo a que nos acostumámos a comer em casa quando éramos pequenos ou jovens, o que deixa uma marca indelével.

- Ao estilo de vida. A dieta de quem come em casa pode ser muito diferente da de quem come fora de uma maneira forma regular, além de que na rua se tende a comer muito mais rapidamente.

- Capacidade de adaptação fisiológica do ser humano a diversos tipos de alimentação. Tal adaptação marca os nossos gostos em relação a alimentos mais doces, mas também em relação a outros mais salgados.

- Factores biológicos. Podem definir a inclinação hereditária por um determinado tipo de alimento, neste caso, doces.

Os alimentos permitidos durante a dieta

A conta-gotas: bolos, folhados e guloseimas
Com moderação: arroz, massa, pão e fruta
Sempre: legumes, verduras, carne, peixe e ovos (atenção às quantidades)

Faça contas às calorias

O conteúdo calórico por cada 100 g de diferentes alimentos ajuda a distinguir quais são os aliados e quais os inimigos do seu regime. Em baixo, pode encontrar algumas opções doces permitidas e outras não. Tome nota:

Alimentos sim

Maçã: 45 kcal
Laranja: 47 kcal
Banana: 92 kcal
Uvas: 71 kcal

Alimentos não

Açúcar branco: 387 kcal
Mel: 304 kcal
Bolachas recheadas tipo Oreo: 390 kcal

Os conselhos da especialista

Estas são algumas das recomendações que deve seguir:

- Um doce de vez em quando e nunca mais do que um por dia. Tente fazê-lo sempre antes de uma actividade física mais intensa (andar a pé, por exemplo). À noite, se possível, procure evitá-los.

- Escolha bem. Uma madalena ou meio pão com compota light ao pequeno-almoço, um gelado de frutas como sobremesa ao almoço, um quadrado de chocolate ao lanche (não deixando de fazer o lanche) ou quatro bolachas com um café a meio da manhã.

- Controle os seus instintos. O doce chama o doce. Por isso, tenha o cuidado de se servir só da quantidade permitida e, se vir que não consegue resistir, coloque o restante num local de difícil acesso. Ao consumir hoje com moderação evita que amanhã lhe seja proibido.

-  Procure seguir uma dieta equilibrada no resto do dia. Coma carnes e peixes (com pouca gordura), verduras, frutas e lacticínios magros. Beba dois litros de água.

- Faça exercício físico.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.