O homem, com 24 anos de idade e residente em Valongo, é suspeito da prática "reiterada de vários crimes de abuso sexual de crianças e de pornografia de menores, agravados", afirmou a Diretoria do Centro da PJ, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

De acordo com a mesma nota, o arguido utilizou a internet para conhecer a vítima, que terá seduzido e aliciado, solicitando-lhe que se "expusesse sexualmente, quer através de 'webcam', quer através do envio de fotografias".

Segundo a PJ, o arguido tinha na sua posse "inúmeros ficheiros informáticos (fotos e vídeos), contendo pornografia infantil, que lhe foram apreendidos, na sequência da realização de buscas".

O jovem agora detido é empregado fabril e já foi presente a primeiro interrogatório judicial.

Na sequência desse interrogatório, foram-lhe aplicadas as medidas de coação de apresentações semanais junto das autoridades e obrigação de se submeter a tratamento especializado, referiu a PJ.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.