Funciona com uma bateria e é coberto de sensores ligados ao tórax ou às articulações. O aparelho deteta o sinal de ativação dos músculos humanos enviado pelo cérebro.

A estrutura move-se com micromotores que fazem o trabalho muscular necessário para se levantar, sentar, andar, carregar pesos ou subir escadas. As aplicações são múltiplas.

O aparelho permite a um paciente paralisado ser novamente capaz de ficar em pé nas suas próprias pernas.

Fora da área da saúde, o seu uso pode ajudar trabalhadores, soldados e agricultores, aumentando a agilidade e o conforto.

Para uso militar, o exoesqueleto oferece força muscular, possibilitando carregar 100 quilos num só braço e aumentando a resistência em dez vezes.

Veja o vídeo explicativo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.