Os médicos de um hospital de Addis Abeba extraíram 122 pregos e outros objetos cortantes do estômago de um paciente de 33 anos.

"O paciente sofre de uma doença mental desde os 10 anos e há dois anos parou de tomar os medicamentos", afirmou à agência de notícias France Presse (AFP) Dawit Teare, cirurgião do hospital St. Peters de Addis Abeba, capital da Etiópia.

10 coisas que já devia ter deitado fora
10 coisas que já devia ter deitado fora
Ver artigo

"Provavelmente por esta razão começou a consumir estes objetos", acrescentou.

Outros objetos

Além dos 122 pregos de 10 cm de comprimento, os médicos retiraram quatro tachas, duas agulhas, um palito e vários pedaços de vidro, informou Teare, antes de explicar que por sorte os objetos não cortaram o estômago do homem.

Se tal tivesse acontecido, poderia sofrer uma infeção grave e até morrer.

"Imagino que consumiu estes objetos com a ajuda de água", disse o cirurgião, que já tinha operado outros doentes com problemas psíquicos semelhantes.

Na Índia, um homem de 35 anos foi operado de urgência, em novembro do ano passado, depois de os médicos terem detetado no seu estômago centenas de moedas, lâminas e pregos. Ao todo, os profissionais de saúde recolheram 263 moedas e 100 pregos da barriga de Maksud Khan.

Corta os morangos? Conheça os 10 maiores erros que comete a comer
Corta os morangos? Conheça os 10 maiores erros que comete a comer
Ver artigo

"Ficámos chocados quando descobrimos moedas, pregos e porcas no estômago de Maksud", disse Priyank Sharma, médico responsável pela operação.

Que doença é esta?

A alotriofagia, também conhecida como Síndrome de Pica, é uma doença rara que se caracteriza por um apetite voraz por substâncias não nutritivas, como terra, carvão, metal, vidra ou tecido.

Para ser considerado um caso de alotriofagia, essa condição deve persistir por mais de um mês, numa idade em que comer este tipo de objetos seja considerado mentalmente inapropriado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.