Quem conhece esta jovem de 18 anos diz que tem uma força de viver contagiante. Chamam-lhe por isso furacão. A história de Marta D’Orey e a hashtag #furacaomarta estão a percorrer as redes sociais em busca de um dador compatível.

A atriz Cláudia Vieira publicou um texto no Facebook e imagens no Instagram em que elogia o sorriso da jovem. "É de alguém que é feliz, ama a vida e vive da forma certa. Grata por te conhecer, és realmente um furacão como te chamam. Tens uma grande lição para dar a muitos e ainda vais dar muito que falar", escreveu.

Marta D’Orey vive dependente de uma bomba de oxigénio, situação decorrente de uma gripe A contraída em Londres há cinco meses e que foi mal curada, tendo degenerado numa bronquiolite obliterante pós-infecciosa.

Marta D'Orey está a receber tratamento médico no Hospital CUF Infanto Santo e estuda Marketing e Publicidade no IADE, em Lisboa. Diz-se apaixonada pela fotografia e pela escrita.

"Já foram várias as vezes em que me deitei naquela sala de luz fluorescente e cheiro a éter, com os lábios tingidos de azul, a pele encharcada em suor e lágrimas, a respiração ofegante por se fazer suficiente, os sentidos a escaparem-me por entre os dedos, e os médicos a rodearem-me o corpo inerte numa tentativa desesperada de o trazer de volta", escreve Marta no Facebook, que acrescenta que quer "ficar por aqui mais algum tempo".

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.