Uma maioria de deputados votou a favor da emenda proposta pelo partido social-democrata SPO, em função da qual "a introdução no mercado" de produtos com glifosato está "proibida em nome do princípio de precaução".

A proibição, que os seus opositores consideram contrária à regulamentação europeia, recebeu apoio do partido de extrema direita FPÖ.

Adicione-os à sua dieta: estes são os 20 vegetais mais saudáveis
Adicione-os à sua dieta: estes são os 20 vegetais mais saudáveis
Ver artigo

O glifosato é comercializado sob várias marcas, mas a mais conhecida é a Roundup, da Monsanto, que desde o ano passado faz parte do grupo químico alemão Bayer.

O pesticida mais usado no mundo é classificado como "provável cancerígeno" desde 2015 pela Agência Internacional de Investigação em Cancro, da Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Comissão Europeia, órgão executivo da UE, rege-se pela evidência reconhecida pelas suas agências científicas, que não classificou a substância como cancerígena até ao momento.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.