Segundo João Paulo Simões, “o colega [médico] sentiu-se cansado, foi fazer o teste e está positivo”.

“Para podermos fazer o rastreio a todos os profissionais e desinfetar o espaço, determinou-se o encerramento por dois dias, com acordo da Unidade de Saúde Pública do Agrupamento de Centros de Saúde do Pinhal Litoral”, esclareceu João Paulo Simões, afirmando que, “com a colaboração da Câmara, as instalações vão ser desinfetadas”.

O coordenador da unidade salientou que o “encerramento é preventivo”.

Numa mensagem publicada no Facebook lê-se que “a USF Condestável informa que as suas instalações (polo 1 - Batalha e polo 3 - S. Mamede) estarão encerradas para desinfeção nos dias 23 e 24 de novembro por se ter confirmado infeção por coronavírus num profissional desta instituição”.

Quanto ao polo do Reguengo do Fetal, “está fechado há bastante tempo por falta de profissionais e por falta de condições estruturais do espaço face às novas exigências”, esclareceu João Paulo Simões.

O coordenador da USF Condestável acrescentou que as consultas previstas para estes dois dias “serão remarcadas e, no caso de urgência, embora a USF não tenha urgências, as pessoas devem contactar a Linha Saúde 24”.

A Batalha, no distrito de Leiria, é um dos 86 concelhos em risco elevado de contágio de covid-19.

Desde o início da pandemia, em março, o concelho contabilizou 151 casos de infeção pelo novo coronavírus, mantendo-se 44 ativos, de acordo com o último boletim da Comissão Distrital de Proteção Civil de Leiria, divulgado às 00:04 de hoje.

Segundo o mesmo boletim, 106 pessoas recuperaram da doença, havendo ainda um óbito.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.