Na terça-feira tinham sido contabilizadas 4.926 novas infeções e igualmente 37 mortes.

O total acumulado desde o início da pandemia covid-19 no Reino Unido passou hoje para 409.729 de casos de contágio confirmados e para 41.862 óbitos num período de 28 dias após um teste positivo.

O número de novos casos registado hoje está próximo do máximo diário de 6.201, registado em 01 de maio, dia em que foram contabilizadas 739 mortes, porém este é também o resultado de estarem a ser feitos mais testes no Reino Unido.

A aceleração da pandemia no país levou o Governo a anunciar mais restrições a partir de quinta-feira, impondo o encerramento de bares e restaurantes às 22:00, o uso de máscaras por clientes e funcionários em espaços comerciais e recomendou que as pessoas que possam fiquem a trabalhar de casa.

Os assessores científicos do Governo avisaram no início da semana que o número de infeções está a duplicar a cada sete dias, e que se este ritmo continuar, em meados de outubro o Reino Unido poderá registar 50 mil casos diários.

“Cinquenta mil casos por dia levaria a, um mês mais tarde, em meados de novembro, a 200 mortes ou mais por dia”, avisou o principal assessor científico do governo, Patrick Vallance, justificando a necessidade de mais medidas para travar o contágio.

Itália regista 1.640 novos casos e 20 mortes nas últimas 24 horas

Itália registou 1.640 novos casos de covid-19, mais do que os 1.392 registados no dia anterior, e mais 20 mortes associadas à doença, indicou hoje o Ministério da Saúde italiano.

O novo aumento de casos detetados, explicou aquele departamento governamental italiano, deve-se ao aumento dos testes de diagnóstico realizados, que atingiram 103.696, contra os 87.303 do dia anterior.

O número de óbitos diários também subiu de 14, na terça-feira, para 20 hoje, elevando o total de mortes para 35.758 desde que foi detetado o primeiro caso de covid-19, a 21 de fevereiro. O total de infeções é de 302.537.

As hospitalizações voltaram a aumentar, com mais 59 nas últimas 24 horas, totalizando atualmente 2.902. Também as hospitalizações em unidades de cuidados intensivos subiram para 244, depois de mais cinco novos infetados terem aí sido internados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.