Este é o terceiro dia consecutivo em que o país contabiliza mais de 11 mil casos da doença, o valor mais alto desde 05 de outubro, quando se registaram 28.115 infeções, então justificadas com alterações metodológicas que levaram à inclusão de casos mais antigos no balanço diário.

Na quarta-feira, o responsável pela gestão da pandemia no México, Hugo López-Gatell, avisou que o país enfrenta “um segundo pico” da doença.

O México é o 12.º país com mais infeções e o quarto com o maior número de mortos, de acordo com a Universidade Johns Hopkins.

O país regista ainda assim cerca de 875 mortes de covid-19 por milhão de habitantes, o que o coloca em 12.º lugar entre os países com mais óbitos em relação à população.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.570.398 mortos resultantes de mais de 68,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 5.278 pessoas dos 335.207 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.