Segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje pela Direção-Geral da Saúde, há menos 20 pessoas internadas em enfermaria face a sexta-feira, sendo agora 466, estando 119 doentes com covid-19 nos cuidados intensivos.

Existem ainda mais 535 contactos em vigilância, fazendo subir este número para 17.407.

De acordo com o relatório da situação da pandemia no país, foram dadas como recuperadas mais 685 pessoas, relativamente a sexta-feira, que totalizam 784.208 desde o início da pandemia.

Por outro lado, foram registados menos 90 casos ativos, totalizando agora 25.810.

Desde o início da pandemia, foram diagnosticados em Portugal 826.928 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, que provoca a doença covid-19, e morreram 16.910 pessoas.

A região Norte registou o maior aumento dos casos diagnosticados nas últimas 24 horas (216, mais de um terço do total, contabilizando 332.229), seguindo-se a região de Lisboa e Vale do Tejo (153, num total de 313.415).

A região dos Açores ocupa o terceiro lugar no número de novos casos, com 75 novas infeções, mais do dobro em relação a sexta-feira (4.309 desde o início da pandemia).

A região Centro registou 64 novos casos (117.728 no total), o Algarve 59 (21.113 no total), a Madeira 18 (8.804 no total) e o Alentejo 16 (29.330 no total).

Metade das mortes registadas das últimas 24 horas aconteceu na região de Lisboa e Vale do Tejo (três), aumentando para 7.166 o número total de óbitos desde o início da pandemia. As outras três mortes dividem-se pelas regiões Norte (duas, num total de 5.319) e Centro (uma, num total de 3.003).

Desde o início da pandemia em Portugal, em março do ano passado, foram atribuídas à covid-19 970 mortes no Alentejo, 355 no Algarve, 68 na Madeira e 29 nos Açores.

O SARS-CoV-2 já infetou em Portugal pelo menos 451.807 mulheres e 374.826 homens, com 295 casos de sexo desconhecido sob investigação, uma vez que esses dados não são fornecidos de forma automática.

A maior parte dos casos confirmados de contágio aconteceu na faixa etária entre os 40 e os 49 anos.

A covid-19 vitimou em Portugal 8.881 homens e 8.029 mulheres, de acordo com o relatório, que indica que a maioria das mortes aconteceu na faixa etária acima dos 80 anos.

Em Portugal foram já administradas 2.109.087 doses de vacina contra a covid-19, das quais, 1.510.186 primeiras doses e 598.901 segundas doses.

Segundo um relatório publicado hoje pela agência AFP, a pandemia provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2 matou pelo menos 2.917.316 em todo o mundo desde que a Organização Mundial de Saúde relatou o início da doença, na China, no final de dezembro de 2019.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.