O primeiro caso positivo relacionado com a instituição foi detetado no âmbito do rastreio por amostragem desencadeado pela Câmara de Alijó nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e bombeiros do concelho, que decorreu há cerca de 10 dias.

A fonte disse que novos testes realizados na instituição revelaram que há 22 pessoas com testes positivos à infeção pelo novo coronavírus.

Durante a manhã decorreu uma reunião entre a Câmara Municipal, Proteção Civil, bombeiros, GNR, Autoridade de Saúde e elementos do lar, para delinearam uma estratégia de atuação que será anunciada esta tarde.

Devido a contactos diretos entre o lar e os bombeiros de Sanfins do Douro, a corporação decidiu acionar o plano de contingência e suspender temporariamente os serviços, sendo que as situações mais urgentes serão asseguradas pelas outras corporações do concelho.

O concelho de Alijó contabilizava na terça-feira nove casos ativos de infeção pelo novo coronavírus.

Em Portugal, morreram 2.213 pessoas dos 103.736 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.