A ARSLVT é a primeira Administração Regional de Saúde a ser acreditada pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) para formar em suporte básico de vida e desfibrilhação automática externa.

“Com esta acreditação, a ARSLVT passa a garantir que os profissionais de saúde que trabalham nos cuidados de saúde primários da região têm acesso a formação relevante na sua área de atuação”, segundo um comunicado do INEM.

Este organismo acrescentou que a ARSLVT dispõe atualmente de 165 desfibrilhadores automáticos externos.

O ovo tem muito colesterol. 20 mitos sobre o coração esclarecidos por uma médica
O ovo tem muito colesterol. 20 mitos sobre o coração esclarecidos por uma médica
Ver artigo

s

O primeiro curso destinado a profissionais de saúde será ministrado por quatro enfermeiros, os quais estarão presentes na sessão de entrega dos certificados de acreditação, segundo informou a ARSLVT.

Nesta sessão participarão os presidentes da ARSLVT, do INEM e a secretária de Estado da Saúde, Rosa Valente de Matos.

De acordo com o INEM, a Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que em Portugal 10 mil pessoas sejam vítimas de morte súbita todos os anos.

“Está demonstrado que a desfibrilhação precoce, realizada entre três a cinco minutos após o colapso da vítima, resulta em taxas de sobrevivência de 50 a 70%”, prossegue o Instituto.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.