O Síbio Rosé chega ao mercado em três formatos: standard, magnum e double magnum, ou seja, em garrafas de 750 ml, 1,5 e 3 litros, respetivamente. Para beber a solo ou a acompanhar peixes grelhados, vieiras caramelizadas e pratos picantes e especiados.

Como o nome denúncia, o Síbio Rosé tem origem nas terras altas da Quinta do Síbio, no planalto de Alijó, zona conhecida pelo seu clima fresco e solos mais ricos, permitindo assim à Touriga Nacional – casta que dá origem a este vinho – amadurecer de forma mais lenta, preservando o carácter aromático, a frescura e a acidez.

“Com uma cor clara, ao estilo Provence, o Síbio Rosé 2020 é bastante aromático e cheio de expressão. Apresenta ligeiras nuances de morango, complexadas com notas florais e frutos vermelhos. Na prova, mostra-se repleto de sabores frutados, mas é, ao mesmo tempo, um rosé complexo e com bom volume de boca. No final de prova é muito equilibrado e cheio de carácter, revelando uma acidez viva e refrescante”, refere o produtor em comunicado.

Dos socalcos do Douro viajou para as mesas do nosso verão o Síbio Rosé 2020
créditos: Real Companhia Velha

Da Quinta do Síbio, que é uma das cinco propriedades da Real Companhia Velha e considerada um verdadeiro museu a céu aberto, para além do Síbio rose, produzem-se o Síbio Ananico, um varietal de Moscatel Ottonel, o Síbio Arinto e o Síbio Field Blend, nos brancos, e o Síbio tinto.

A Quinta do Síbio é uma das mais antigas propriedades da Real Companhia Velha. Se já esteve confinada a 40 hectares de terra e dez de vinha, nos dias de hoje estende-se até ao planalto de Alijó, com uma área total de 130 hectares, em que cem são de vinha. Tendo beneficiado de uma total reconversão das suas vinhas, é palco de um projeto que recupera antigas castas do Douro, algumas delas em risco de extinção.

Em 1999 iniciou-se no local um programa de investimento, com a recuperação dos bicentenários muros e a plantação de novas vinhas, em talhões estremes e seguindo a orientação das castas referenciadas no antigo cadastro da quinta na Casa do Douro.

O vinho chega ao consumidor com o preço de: 15,5 euros (standard).

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.