Menos ruído e stress mais adaptógenos

“Vivemos num mundo repleto de ruído e stress. Quer o stress seja ambiental, desencadeado no nosso corpo, quer seja psicológico, criando uma resposta de fuga e um aumento de níveis de cortisol, os adaptógenos são uma ferramenta para o combater”, lemos na apresentação do livro “Adaptógenos” (ArtePlural edições), obra onde a nutricionista e chef Melissa Petitto apresenta mais de 40 ervas, raízes e fungos medicinais.

Um adaptógeno é “uma substância não-tóxica e, em especial, um extrato vegetal capaz de aumentar a capacidade de resistência do corpo aos efeitos prejudiciais do stresse e de promover ou restaurar o normal funcionamento fisiológico”, explica-nos o livro de Melissa Petitto, acrescentando: “contendo uma elevada concentração de aminoácidos ou vitaminas, ajudam a promover a calma e a tranquilidade, a regular o apetite e os níveis homeostáticos, a prevenir o aumento de peso e a inflamação, a fortalecer o sistema imunitário e a aumentar os níveis de energia”.

O guia de Melissa Petito está organizado por ordem alfabética dos nomes científicos, o que orienta o leitor a consultar os vários adaptógenos por forma a encontrar os que melhor se adaptam aos seus problemas de saúde ou necessidades. Sobre cada adaptógeno, a autora, apresenta-nos a história, os benefícios, informações sobre a quem se adequa e a dosagem. No final, o livro apresenta 25 receitas deliciosas e ricas em nutrientes de bebidas, sopas, guarnições e sobremesas como o chá da imortalidade, o deleite azul antioxidante ou a bomba detox.

Melisa Petitto é nutricionista e chef, apaixonada pela cozinha saudável e pela ciência e arte da nutrição, dá aulas, dirige workshops e faz consultas privadas. É autora de vários livros sobre alimentação natural e suplementos nutricionais de origem orgânica.

O livro chega aos escaparates com o preço de 17,7 euros.

Menos ruído e stress mais adaptógenos
créditos: Arte Plural

Paleo casa-se com Vegan e acaba com as guerras

“Há décadas que as guerras dietéticas opõem defensores das dietas paleo, vegan e dezenas de outras, deixando a maioria das pessoas desnorteadas e confusas”, relata-nos a nota de apresentação ao livro “A Dieta Pegan” (edição Nascente). Para resolver conflitos, Mark Hyman, especialistas em medicina funcional, escreveu uma obra que combina os princípios nutricionais das dietas vegan e paleo, incluindo alimentos integrais, gorduras saudáveis, hidratos de carbono refinados e açúcares limitados, e uma grande variedade de vegetais e fruta.

“Quer coma carne, seja adepto da dieta vegan ou do regime keto, ou tenha experimentado várias dietas sem sucesso, este livro é para si”, lemos na apresentação do livro. “Mais do que uma dieta, esta é uma filosofia alimentar inclusiva e sustentável, que promove a saúde, a perda de peso e a longevidade”.

A obra inclui receitas para toda a família: pequenos-almoços, almoços, jantares, petiscos, bebidas e acompanhamentos; assim como um guia com 21 princípios práticos para reencontrar a saúde num mundo nutricionalmente confuso.

Mark Hyman é diretor do Cleveland Clinic Center for Functional Medicine, nos Estados Unidos. Participa regularmente em programas de televisão, incluindo o CBS This Morning, Good Morning America e The Dr. Oz Show, e é o apresentador de um dos principais podcasts de saúde dos Estados Unidos, The Doctor’s Farmacy.

O livro chega aos escaparates com o preço de 17,7 euros.

A dieta Pegan
créditos: Nascente

A dieta da carne de Paul Saladino

“Nunca vivemos tanto tempo, mas não estamos a viver da forma mais saudável – milhões de pessoas sofrem de doenças como diabetes, depressão, dores nas articulações, doenças cardíacas e autoimunes. Outros tantos milhões tentaram, e falharam, perder peso e mantê-lo. Se isto lhe soa familiar, não está sozinho. E sabe o quão frustrante e desencorajador é passar por ciclos de dietas, planos de tratamento e prescrições que oferecem pouco alívio – e que podem aumentar o seu sofrimento”. Este é o cenário apresentado na nota de imprensa que acompanha o lançamento em Portugal do livro “O Código Carnívoro” (edição Casa das Letras), de Paul Saladino.

De acordo com o autor, “existe uma maneira melhor de mitigar sofrimento, e começa com o que comemos. Está cientificamente comprovado que a dieta carnívora reduz a inflamação, melhora o sono, reduz as dores nas articulações, melhora a clareza mental e ajuda a perder peso”.

No seu livro, Paul Saladino revela as verdades sobre os alimentos que nos dizem serem essenciais para uma boa saúde, como cereais integrais, plantas e legumes verdes. O autor desconstrói estes mitos e revela o potencial curador de uma dieta à base de carne: “a dieta que os nossos corpos foram desenhados para seguir”, adianta.

O livro apresenta orientação passo-a-passo, planos de refeições e uma seção de perguntas frequentes.

Paul Saladino estuda a aplicação da dieta carnívora. Utilizou esta dieta para reverter a autoimunidade, a inflamação crónica e problemas de saúde mental em centenas de pacientes. Apresenta o podcast Fundamental Health.  É diplomado em psiquiatria e medicina nutricional.

O livro chega aos escaparates com o preço de 21,9 euros.

o código carnívoro
créditos: Casa das Letras

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.