Nuno Baltazar encerrou a ModaLisboa com uma coleção muito pessoal, onde se cruzam os diferentes processos, projetos e clientes que são parte integrante do atelier onde trabalha com a sua equipa. O branco foi a cor dominante, numa paleta diferentes tonalidades, do ótico ao marfim, em diferentes estruturas, técnicas e texturas. Neste desfile o designer contou com a presença de Catarina Furtado, a sua musa, a encerrar a coleção num pedestal com o seu nome.

A coleção é um diário visual que projeta o futuro, incerto e ainda sem cor, que é também reflexão sobre o tempo presente, sobre a identidade da marca e os seus códigos. Uma página em branco onde ganham protagonismo o processo, a desconstrução e a experimentação conceptual. "DIARY" é também uma proposta seasonless com assumida intenção de desacelerar o ritmo de consumo da moda, de forma sustentável e que abra espaço para um outro tempo, mais delicado e autoral. Detalhes tridimensionais em draping, plissados e em construção sobre bustos de atelier coexistem com peças de caráter masculino e oversized.

Veja as imagens da coleção:

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.