“Apresentamos o novo logo da Calvin Klein. Um regresso ao espírito original. Um reconhecimento do fundador e das bases da casa de moda. Em colaboração com o diretor de arte e designer gráfico Peter Saville”, podia ler-se no Instagram oficial da Calvin Klein.

O logotipo, que passa a letras maiúsculas, parece ser o início da nova estratégia criativa global da marca que em agosto passado nomeou Raf Simons como chief creative officer da Calvin Klein e Pieter Mulier, o braço direito do estilista, como diretor criativo. A mudança parece ter sido bem recebida pelos fãs que descrevem o novo logotipo como "inteligente", "bonito", "clean" ou "cool".

De acordo com o site Bussiness of Fashion, a nomeação de Simons “marca o início de um capítulo importante para a Calvin Klein” que deverá “solidificar a sua posição enquanto marca global de lifestyle”.

Recorde-se que em 2003 a Calvin Klein foi vendida ao grupo de vestuário PVH Corp por 370 milhões de euros. A transação culminou com o afastamento do próprio Calvin Klein que estava à frente da marca desde 1968.

É com bastante antecipação que a indústria da moda aguarda a primeira coleção de Raf Simons que vai apresentada no próximo dia 10 de fevereiro durante a Semana da Moda de Nova Iorque.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.