Diogo Miranda inspirou-se num cristal de um candelabro da sua família e fechou em beleza o último dia de desfiles da 42ª edição do Portugal Fashion. A coleção contou com linhas retas e etéreas com cortes facetados, que transmitem através dos brilhos e movimentos a sua elegância, enquanto a silhueta esguia remete-nos para uma mulher confidente, independente e sexy. O tafetá de seda e os tecidos técnicos ajudam a moldar mangas 3D e volumes, comprimentos midi versus pernas expostas, cortes assimétricos e decotes profundos sempre dando a ilusão da silhueta de um cristal.

O cristal de família de Diogo Miranda
Ver artigo

Este dia teve início com o desfile de Nuno Baltazar, que criou uma coleção imponente onde o uso do tule foi um dos pontos de destaque. As silhuetas bem estruturadas deram lugar a looks que realçam as formas femininas e que as misturam com o mundo masculino. Nesta coleção é possível ver-se o efeito que os dois mundos, feminino e masculino, tem na moda.

A nova coleção de inverno de Katty Xiomara apresentou um retrato abstrato do imaginário gestual, interpretando, de certa forma, a atual linha de pensamento baseada numa mistura de incerteza, alarmismo e otimismo. Um gesto que oferece um imaginário intuitivo de formas orgânicas, refletido em cada peça por assimetrias e contrastes, com diferentes texturas, volumes e janelas inesperadas de cor. Foram criadas obras de arte num contexto despido de pretensões, indo buscar inspiração ao cubismo e ao abstracionismo lírico. Depois essas obras de arte foram descompostas para criar estampados extensos e cheios de cor.

A palete de cores marca um conflito intenso entre o preto e o azul-escuro, que contrastam com rosa-choque, vermelho "tandoori spice", rosa barroco, laranja, rosa-pálido, azul brilhante e azul-celeste. Os materiais são diversificados, desde seda, renda e algodão leve a camurça, veludo, tecido duplamente acolchoado, pelo sintético e burel, um produto tradicional português feito em 100% lã pura.

Inseridos na secção 'Shoes' foi a vez de as marcas de calçado e acessórios, nomeadamente malas, mostrarem as novas propostas para o próximo outono/inverno. Desta secção fazem parte as marcas Ambitious, Fly London, J. Reinald, Nobrand, Rufel e The Baron's Cage.

As propostas de 'Shoes' para o próximo outono/inverno
As propostas de 'Shoes' para o próximo outono/inverno
Ver artigo

As silhuetas da marca Concreto para o próximo outono/inverno 18/19 são em forma de flor com uma ou outra peça ampla e grossa a contrastar. Todas elas são trabalhadas com relevos, texturas 3D, em que representa a magnifica irregularidade dos pontos de tricotagem que embora complexos apontam no sentido da neutralidade do nosso quotidiano. Pensada para a mulher cosmopolita que não descura as tendências de modas mas sem se tornar Fashion Victim das mesmas. Apresenta-se com matérias-primas de Viscose, Lã Merino, Cashmere e Seda, em tons de prata, azul, preto cinza e fucsia.

Concreto lança coleção pensada para a mulher cosmopolita que não descura as tendências de moda
Concreto lança coleção pensada para a mulher cosmopolita que não descura as tendências de moda
Ver artigo

'Glocal Conection' é o tema que inspirou a coleção de Ana Sousa para o próximo outono/inverno e que retrata o futuro da sociedade, da mistura de culturas, cores e épocas. Ao longo da viagem pela coleção, passamos por várias reinvenções de diversas épocas e culturas, com formas contemporâneas e comerciais.

Dos looks e detalhes mais elaborados ao ar clean e citadino, a linha be woman, a mais adulta, abrange vários estilos quotidianos reunindo diversas inspirações. Na paleta de cores sobressaem os tons terrosos e fechados. os tons improváveis como o azul mercúrio, o bordeaux global, o verde poeira e o violeta dramático. Esta coleção representa as mulheres dinâmicas, contemporâneas e adeptas do que a sociedade emergente traz.

Para o próximo outono/inverno a Dielmar fez uma viagem pela origem dos padrões de tecido mais icónicos. 'The Journey' simboliza uma coleção original, que marca um ponto de viragem no modo de vestir do homem da Dielmar, dando-lhe uma nova perspetiva sobre a moda masculina.

Destacam-se os padrões príncipe de gales, pied poule, riscas e espinhado, que completam uma coleção inspirada na arquitetura e paisagem dos locais de origem de algumas das padronagens mais marcantes da história têxtil. Nos tons escolhidos destacam-se o laranja ferrugem, o cinza betão e o azul elétrico, que transmitem um toque de elegância e contemporaneidade. Como novidade da estação destacam-se as lapelas largas e as calças com pregas.

A jornada de Dielmar
A jornada de Dielmar
Ver artigo

A marca Lion of Porches apresentou o tema 'Winterize', uma coleção pensada para a chegada de um inverno gélido. Um ambiente frio, onde o nevoeiro esconde as paisagens florestais, e a musicalidade do vento e da chuva a cair nas folhas que se envolvem profundamente pela natureza. Uma envolvência única, onde o perfume e as texturas da natureza fazem o despertar de um sistema sensorial. Propostas com uma forte herança Royal British, ricas em padrões de inspiração heráldica, tweed e tartans tradicionais conjugados com motivos florais e padrões camuflados.

O colorido tradicional da marca – Vermelho, Marinho e Bege misturam-se com os verdes, bordeaux e azul royal em todas as linhas da coleção. A atitude e versatilidade das peças revelam-se com a mistura de cores, padrões, texturas e fittings de cortes diversos. Uma abordagem contemporânea da moda que acompanha a vivência atual de dinamismo e diversidade, de apreciar coisas distintas, do clássico ao descontraído, do mais despretensioso ao mais irreverente. Os materiais aplicados são nobres, criteriosamente selecionados como a cashmere, 100% lã, mohair e fios de brilho lurex. Peças pensadas para o clima frio e para o conforto, com traços modernos e qualidade superior.

Lion of Porches leva à passerelle o seu casual wear descontraído mas sofisticado
Lion of Porches leva à passerelle o seu casual wear descontraído mas sofisticado
Ver artigo

No final do 42.º Portugal Fashion, Luís Onofre trouxe à passerelle o requinte do seu calçado e marroquinaria de luxo.

Nos quatro dias do 42.º Portugal Fashion aconteceram 34 desfiles de moda, envolvendo 18 criadores, 7 marcas de vestuário, 6 marcas de calçado e 6 jovens designers.

Veja todos os desfiles e curiosidades acerca desta edição no nosso dossier.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.