Há 15 anos que a Chanel não lançava um perfume novo. Gabrielle, apresentado publicamente num luxuoso evento no Palais de Tokyo, em Paris, chega ao mercado português no outono. É a primeira criação de raiz para a marca do perfumista Olivier Polges, filho de Jacques Polges, responsável por algumas das principais criações olfativas da empresa, que substituiu em 2013. Já tinha trabalhado no Chanel Eau Tendre e no No.5 L’Eau de 2016.

Antes, além de Flowerbomb de Viktor and Rolf, Olivier Polges desenvolveu perfumes para marcas como a Burberry, a Christian Dior e a Giorgio Armani. As primeiras imagens do frasco de Gabrielle, que terá a atriz norte-americana Kristen Stewart como imagem da fragrância, foram reveladas na rede social Instagram. «É um perfume floral abstrato», descreve o criador, que misturou ylang-ylang, jasmim e íris tuberosa.

Do jardim da Chanel em Grasse, cidade francesa que muitos apelidam de capital mundial dos perfumes, trouxe flores de laranjeira. «Gabrielle é floral, solar e luminoso, além de ser muito feminino», assegura o perfumista. O frasco e a embalagem, desenvolvidos pela criativa Sylvie Legastelois, demoraram cinco anos a fazer. A última fragrância da marca tinha sido Chance, dada a conhecer numa festa em Londres em 2002.

Texto: Luis Batista Gonçalves

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.