"O Riccardo decidiu sair depois de quase cinco anos a liderar a transformação criativa da Burberry", disse a empresa em comunicado.

Sob a direção do estilista italiano, a Burberry "modernizou e atualizou a sua oferta de produtos, alcançando uma comunidade de clientes mais jovem, mais diversificada e mais especializada", disse o grupo.

"Ricardo desempenhou um papel fundamental no reposicionamento da Burberry. Ele reforçou a nossa linguagem criativa", acrescentou o CEO Jonathan Akeyrod, que agradeceu os seus serviços "em nome de todos da Burberry".

O seu sucessor Daniel Lee, nascido em Bradford, Inglaterra, assumirá funções na segunda-feira."Ele é um dos talentos britânicos mais empolgantes da sua geração", disse a empresa de Londres.

Entre 2018 e 2021 foi diretor de criação da Bottega Veneta, "onde ajudou a revitalizar a marca italiana" e antes disso foi diretor de prêt-à-porter da Celine. Também trabalhou na Maison Margiela, Balenciaga e Donna Karan.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.