O ABC dos diamantes

Desengane-se quem acha que o mais importante num anel de diamante são os quilates ou a cor de um diamante. De acordo com a Tiffany and Co., há que ter em consideração os 4 C’s - cut, color, clarity e carat (lapidação, cor, pureza, peso em quilates) – pois, no fim de contas, são estas as características que asseguram a qualidade de um diamante.

Uma curiosidade prende-se com o facto de, naturalmente, todos os diamantes brancos terem um tom amarelado. Assim, as pedras utilizadas pela marca – especialmente nos anéis de noivado - têm de passar por uma rigorosa inspeção e seleção, sendo apenas utilizadas as pedras que se encaixem na categoria “incolor” ou “praticamente incolor”.

Mas se num diamante branco a ausência de cor é extremamente importante e tornando-o numa raridade, o mesmo não se aplica quando se falam em diamantes coloridos naturais. Pertencentes à categoria fancy color, estes existem nas mais diferentes tonalidades, como é o caso do amarelo que, apesar de ser a cor mais abundante de todas, continua a ser extremamente rara.

A história do Tiffany Diamond

Temos de recuar até ao século XIX para contar a história daquela que é uma das pedras mais famosas da marca: o famoso Tiffany Diamond. Este diamante amarelo, descoberto na África do Sul em 1877, foi adquirido pela marca no ano seguinte, que o descreve como “um dos maiores e melhores diamantes amarelos do mundo.”

“Muitas pessoas acham que os diamantes têm de ser incolores ou ter falta de cor. Mas este é o outro lado do espectro. Existe um arco-íris de cores que são do mais raro que há”, referiu Melvyn Kirtley, gemólogo da Tiffany and Co., à Bloomberg. É de salientar que os diamantes amarelos têm uma categoria própria que determinada a sua raridade: os fancy, os fancy intense e os fancy vivid, onde se integra o Tiffany Diamond que conta com 143 anos de existência.

A pedra de 128.54 quilates, que integrou algumas exposições, só foi usada por três mulheres ao longo dos anos: pela atriz Audrey Hepburn em fotografias publicitárias do filme Breakfast at Tiffany’s (1961), pela cantora e atriz Lady Gaga na cerimónia dos Óscares (2019) e agora pela artista Beyoncé Knowles na nova campanha publicitária da Tiffany and Co. (2021).

A campanha publicitária ABOUT LOVE

ABOUT LOVE é o tema da nova campanha publicitária protagonizada por Beyoncé Knowles e Jay-Z para a Tiffany and Co.

"Inaugurando uma nova identidade, esta campanha personifica a beleza do amor ao longo do tempo e todas as suas diversas facetas, estabelecendo uma nova visão do amor nos dias que correm", refere o site oficial da marca sobre esta campanha que ficou a cargo de Mason Poole, que fotografou o casal junto ao quadro Equals Pi, da autoria de Jean-Michel Basquiat’s.

Esta é uma dupla estreia tanto para o casal, que surge pela primeira vez numa campanha ao lado um do outro, como para o icónico Tiffany Diamond, que até então nunca tinha sido usado numa publicidade.

"A Beyoncé e o Jay-Z são o epítome da história de amor moderna. Enquanto marca que sempre apoiou o amor, força e individualidade, não poderíamos imaginar casal mais icónico que melhor representasse os valores da Tiffany. Estamos honrados em ter os Carters como parte da família Tiffany", referiu Alexandre Arnault, Vice Presidente Executivo de Produto e Comunicação, sobre esta parceria que inclui o lançamento de um filme que inclui uma versão de Moon River interpretada por Beyoncé.

Para além da campanha, a conceituada joalheria comprometeu-se a doar 1,7 milhões de euros de forma a financiar bolsas de estudos e programas de estágio destinados a jovens afroamericanos nos Historically Black Colleges and Universities (HBCUs).

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.