Remodela a zona da cintura no seu conjunto, incluindo os quadris, os glúteos e as coxas, conseguindo uma linha harmoniosa desde a cintura até ao joelho, sem a ausência de curvas, como por vezes sucede numa lipoaspiração convencional. Este método, disponível em Portugal, permite-lhe conseguir a silhueta que sempre quis e a imagem com que sempre sonhou. O reputado cirurgião plástico Biscaia Fraga, diretor da Clínica Biscaia Fraga, em Lisboa, explica em que consiste e como funciona.

1. Para quem é que a lipoaspiração tridimensional é aconselhada?

Esta cirurgia é aconselhada para quem tem gordura a mais ou necessita de corrigir defeitos, como as tais depressões e os sulcos. Para os pacientes que querem um contorno corporal bonito, harmonioso e para quem tem condições técnicas para se submeter a uma correcção destas.

2. A quem é que a lipoaspiração tridimensional é desaconselhada?

Para todas aquelas pessoas que têm a pele flácida, descaída e em mau estado. Está desaconselhada também a quem esteve excessivamente exposto ao sol. Se a pele estiver envelhecida, não se aconselha esta intervenção. Por outro lado, pacientes com contraindicação médica, como por exemplo aqueles que sofrem de alterações da coagulação sanguínea, não devem submeter-se a esta cirurgia.

3. Em que zonas é que a lipoaspiração tridimensional se realiza?

Em todas as zonas que tenham tecido adiposo a mais ou a menos ou com quantidades normais mas que necessite de ser remodelado. A lipoescultura também deve ser entendida como uma intervenção de adição, isto é, colocar tecido adiposo onde falta.

4. É necessário emagrecer antes de uma lipoaspiração tridimensional?

Não, porque as zonas destinadas à lipoescultura não estão relacionadas com o emagrecimento. Se uma pessoa emagrece, fica com uma cintura muito magra mas a zona das ancas e das coxas continua volumosa. Trata-se de gordura constitucional com marca familiar. Esta cirurgia resolve esse problema.

5. Que tipo de anestesia é empregue numa lipoaspiração tridimensional?

Pode ser realizada com anestesia local, com anestesia local com sedação, anestesia geral, em regime ambulatório... Na minha experiência, 99% das lipoesculturas são realizadas em regime ambulatório, sem internamento, com anestesia local ou anestesia local com sedação. O tal 1% diz respeito à anestesia geral e está associado a outras intervenções, como por exemplo, fazer uma redução mamária e uma lipoescultura em simultâneo.

6. Quanto tempo é que dura a operação?

Depende da zona a operar. Se for um duplo queixo, demora 15 minutos. Se realizarmos uma lipoescultura tridimensional, leva 60 a 70 minutos. Se operarmos grandes coxas, podemos levar duas horas.

7. A lipoaspiração tridimensional é uma intervenção muito dolorosa?

Hoje em dia, com o arsenal de equipamentos que existe à disposição, não há razão para haver dor nesta cirurgia ou em qualquer outro ato terapêutico.

8. Como é o pós-operatório de uma lipoaspiração tridimensional?

Não deve praticar alguns exercícios físicos. No entanto, deve caminhar no dia seguinte, porque esse movimento faz uma massagem da própria zona. Deve ainda evitar mudanças de posição bruscas. Não deve tomar banho muito quente porque pode provocar hipotensão. Não deve ter exposição solar direta durante três semanas, para evitar o risco de hiperpigmentação

9. É necessário usar um suporte de contenção elástico depois de fazer uma lipoaspiração tridimensional?

Sim, o paciente deve usar uma contenção elástica durante um a dois meses, conforme a recomendação do cirurgião que a opera.

10. Quando é que se começam a notar os efeitos de uma lipoaspiração tridimensional?

Imediatamente. De forma consistente, o resultado efetivo, dá-se ao fim de dois meses. Em termos de resultados perfeitos, ao fim de seis meses.

11. Há precauções especiais a ter depois da cirurgia?

Durante as três semanas posteriores, é aconselhável realizar uma dieta reduzida em sal para evitar a retenção de líquidos. Recomenda-se a utilização de bicicleta estática, sem resistência, para promover a elasticidade e cicatrização interna. Deve fazer uma vida moderada. Se for uma megalipoaspiração, a pessoa não pode trabalhar no dia seguinte.

12. É possível que se volte a surgir gordura nas zonas intervencionadas?

Nas zonas corretamente esculpidas, não. Há dados muito curiosos. Cerca de 60% das senhoras em que se fez lipoescultura do abdómen e das coxas teve um aumento mamário. Aumentou o sutiã em cerca de um número...

13. Há um limite máximo de gordura para eliminar?

Depende do critério clínico, da idade da pessoa e das condições físicas. Neste momento, em megalipoaspirações, retiram-se 10 a 12 litros de gordura. No entanto, são casos de obesidade mórbida, em que se pretende preparar o paciente para intervenções seguintes. Numa lipoescultura, o adequado é retirar um a três litros, em regime ambulatório.

14. Qual é a melhor época para fazer uma intervenção deste tipo?

Deve excluir-se o verão. Não é confortável usar uma contenção elástica durante três a quatro semanas com 40º C de temperatura. Para além disso, a pessoa evolui de forma muito mais eficaz se fizer massagens de drenagem linfática e refirmação cutânea.

15. Quanto custa a lipoescultura tridimensional?

O preço é muito variável. Um duplo queixo pode custar entre 250 € a 300 € e a região da cintura pode variar, em média, entre os 1.500 € e 4.000 €.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.