Uma delegação do Ministério de Educação da Polónia e representantes da Comissão Europeia estão em Lisboa para conhecer o trabalho desenvolvido nas escolas portuguesas para garantir que o ensino é inclusivo, revelou a tutela.

O objetivo da visita, que começou na terça-feira e termina hoje, é apoiar o governo polaco “no sentido de melhorar a qualidade da educação inclusiva no seu país”, contando com a participação de representantes do Ministério da Educação português assim como com especialistas e representantes de entidades nacionais.

Durante três dias, os responsáveis portugueses receberam também representantes da Comissão Europeia e da “European Agency for Special Needs and Inclusive Education”, uma organização independente que funciona como uma plataforma para a colaboração entre os seus países membros no sentido de trabalhar para sistemas de educação mais inclusivos.

“As políticas de educação portuguesas e as recentes alterações legislativas, nomeadamente levadas a cabo no âmbito da educação inclusiva, têm suscitado a atenção de outros países, de todo o mundo, que procuram conhecer as medidas do nosso Governo para melhor poderem refletir sobre as políticas que planeiam desenvolver nos seus países”, explicou o gabinete de comunicação do Ministério da Educação em declarações escritas à Lusa.

Esta semana foi a vez da tutela receber responsáveis da educação polacos para uma visita de estudo “no âmbito do Structural Reform Support Programmme da Comissão Europeia com a finalidade de conhecer de perto o trabalho realizado em Portugal no âmbito da educação”, acrescentou o ME.

Segundo o ministério, o objetivo da visita é partilhar com os pares polacos o trabalho desenvolvido por Portugal, no que respeita ao processo de gestão, objetivos e implicações a ter em consideração no domínio da educação, assim como explorar o processo de implementação das políticas educativas, analisando desafios e oportunidades.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.