A decisão da maioria socialista surge após reunião entre o executivo e os diretores dos agrupamentos de escolas para fazer “um ponto de situação acerca do que tem sido a vivência da comunidade escolar de Gondomar no atual contexto pandémico”, refere a autarquia, em nota enviada à Lusa.

O reforço de operacionais ocorrerá em duas fases, sendo a primeira através da colocação durante este mês de 100 funcionários em regime de Contrato Emprego-Inserção.

Já a segunda fase consiste na abertura de concurso para mais 40 lugares no quadro de Assistentes Operacionais para a área da Educação.

“Desde o dia 01 de janeiro de 2020, este é o segundo reforço ao nível de recursos humanos nas escolas de Gondomar. Trata-se de um investimento exclusivo do município, uma vez que os rácios já estão cumpridos”, acrescenta.

A câmara de Gondomar também anunciou que vai dar às escolas do concelho 300 mil euros para aquisição de material informático.

Ainda de acordo com a nota da autarquia liderada por Marco Martins, na reunião com os diretores ficou decidido que estes vão elaborar um levantamento sobre necessidades de intervenção das escolas do 1.º Ciclo de Ensino Básico “de forma a serem alvo de projetos de intervenção a ser incluídos no Orçamento Municipal de 2021”.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.