Os indivíduos acima dos seis meses com doenças crónicas (respiratórias, cardiovasculares e imunodeficiência) deverão integrar o grupo prioritário de vacinação contra a gripe A H1N1. Deste grupo fazem também parte as mulhres grávidas e os funcionários que prestam cuidados de saúde.
O Comité de Segurança da Saúde da UE e as autoridades de alerta e resposta rápida adoptaram uma declaração proposta pela Comissão Europeia que define uma abordagem comum europeia para a identificação de grupos-alvo e prioritários para a vacinação contra a gripe A H1N1.
Quando este primeiro grupo prioritário for vacinado, prosseguir-se-à para a restante população, divulga a Comissão Europeia em comunicado.
Segundo a declaração, cabe a cada Estado-membro desenvolver a estratégia de vacinação. Para saber mais, clique AQUI.
26 de Agosto de 2009
Veja ainda: Vacinar para evitar
Neuroblastoma infantil
Saiba como livrar-se dos germens e bactérias
As fontanelas são tão frágeis como parecem?
O meu filho tem um angioma

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.