• Coloque todos os produtos potencialmente tóxicos – medicamentos, detergentes, cosméticos – longe do alcance e da vista da criança e, preferencialmente, fechados;
  • Estes não devem ser guardados com alimentos. Portanto, devem estar em zonas altas e longe dos alimentos, para não haver risco de confusão;
  • Os produtos tóxicos devem ser guardados logo a seguir à sua utilização;
  • Opte por embalagens que tenham tampas que dificultem a abertura, pois embora não sejam garantia de segurança, atrasam o acesso da criança ao tóxico;
  • Não transvase produtos tóxicos para outras embalagens, tipo garrafas de água ou refrigerantes. Para além da confusão que pode originar, é importante que, em caso de intoxicação, tenha a embalagem original consigo, uma vez que esta tem todas as informações que o Centro de Informações Anti-Veneno (CIAV) precisa.

Siga este e outros temas sobre gravidez no Facebook A Nossa Gravidez.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.