Foi no dia 13 de outubro que a notícia abalou o mundo do espetáculo em Portugal: Morreu António Lemos, conhecido como Tony, um dos elementos fundadores da banda Santamaria e irmão da vocalista - Filipa Lemos. Tinha 48 anos.

Agora, duas semanas depois desta perda dolorosa, Filipa usou as redes sociais dos Santamaria para partilhar com os fãs da banda um vídeo onde fala pela primeira vez sobre a morte do irmão.

“Olá, meus queridos. Esta mensagem como vocês devem compreender é um bocadinho difícil, mas sempre uma mensagem com esperança. Já há alguns dias que queria ter feito mas, como vocês devem depreender, os dias também não têm sido fáceis”, pode ouvir-se nos primeiros minutos de um vídeo que serve também para agradecer todo o carinho que a banda e a família de Tony Lemos têm recebido.

“Queria agradecer em primeiro lugar a todos vocês, as vossas mensagens de carinho, os vossos telefonemas, a todos os que estiveram presentes neste momento menos bom das nossas vidas”, realça.

Em seguida, Filipa dá conta de que este vídeo surge "como uma espécie de explicação" para os que se perguntam se a banda iria continuar depois desta perda: "A caminhada dos Santamaria vai continuar, desta vez com cinco caras existentes de forma física e uma sexta pessoa que estará connosco sempre em espírito", esclarece.

"Muitas coisas estavam a ser organizadas e programadas, já estavam preparadas e para mim, como vocês sabem, ainda é mais difícil porque esta caminhada sempre foi feita a par e passo com o meu irmão", continua, garantindo que os Santamaria vão ter a força necessária "para continuar a brilhar em cima dos palcos".

A banda vai apresentar já no dia 6 de novembro um tema composto por Tony Lemos e gravado no último verão, este será apresentado como uma homenagem ao músico e contará ainda "com uma participação muito especial": "É a nossa homenagem para o meu irmão, para um membro dos Santamaria, pela pessoa fantástica que vocês conheceram, um ser humano extraordinário, um grande herói".

Por fim, sem conseguir esconder o semblante triste, Filipa manifesta a vontade de manter vivo o legado do irmão. "Por vezes a vida tem destas situações complicadas, mas a vida tem mesmo que continuar e era assim que ele queria que nós fizéssemos. Todo o seu lado será concretizado e perpetuado por todos nós", termina.

Leia Também: Morreu um dos elementos fundadores dos Santamaria. Tinha 48 anos

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.