Foi através da sua página de Instagram que Sónia Tavares recordou um episódio menos bom. "Vai para cinco anos, um homem tentou bater-me por pensar que eu era um travesti", começou por escrever esta terça-feira, 28 de abril, na rede social.

Mas esta não foi a única vez que recebeu tais comentários, como destacou na mesma publicação. "Há alguns posts atrás, um homem disse-me que eu era horrorosa o suficiente, não precisava de me travestir para ser monstruosa. Há homens que detestam homens, há homens que detestam mulheres, há homens que detestam mulheres que se parecem com homens, há homens que detestam homens que se parecem com mulheres", partilhou, acrescentando de seguida:

"A todos os que odeiam no geral, um especial bardam**** da minha parte."

Uma publicação que não passou despercebida aos olhos de muitos seguidores, incluindo aos de várias figuras públicas, entre elas Nuno Markl. "Bravo. Eu ando muito cansado de idiotas. Sei que a minha tolerância está baixinha porque começo a ficar com fantasias de vigilante e que saio pelas ruas à noite para os matar. Mas com luvas e máscara, claro, que eu não sou um inconsciente", disse.

Leia Também: "O Cláudio Ramos é um erro de casting", diz Bruno Nogueira

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.