Justin Timberlake mostrou publicamente o seu apoio à ex-namorada, Britney Spears, que luta em tribunal pelo fim da tutoria.

E após o testemunho da cantora - que afirmou que quer casar e ser mãe de novo, mas a tutoria não o permite, acrescentando que está a ser obrigada a consumir medicação de contraceção -, Timberlake deixou uma mensagem no Twitter.

"Depois do que vimos hoje, todos devíamos apoiar a Britney neste momento", começou por dizer, esta quarta-feira.

"Independentemente do nosso passado, bom e mau, e não importa há quanto tempo... O que está a acontecer com ela não está certo", continuou. "Nenhuma mulher deve ser impedida de tomar decisões sobre o seu corpo", destacou.

Numa outra publicação, o cantor acrescentou: "Ninguém nunca deve ser presa contra a sua vontade... ou ter que pedir permissão para aceder a tudo o que conseguiu com muito trabalho".

"Eu e a Jess [Jessica Biel, mulher de Justin Timberlake] enviamos o nosso amor e apoio absoluto à Britney neste momento. Esperamos que os tribunais e a sua família façam o que é certo e a deixem viver como ela quiser", completou.

Leia Também: Britney Spears pede fim da tutoria e diz que quer casar e ser mãe de novo

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.