Um taxista de Nova Iorque estará em maus lençóis devido a uma situação que aconteceu em março do ano passado com John Legend. Segundo a revista People, o sujeito roubou uma mala da marca Louis Vuitton que pertencia ao cantor que continha um par de botões de punho avaliados em 25 mil dólares (cerca de 20 mil euros).

A publicação acrescenta ainda que John compareceu no julgamento e afirmou que os botões foram um presente oferecido pela mulher, Chrissy Teigen.

“Eu sei que não devia ter pegado a mala. Cometi um erro”, afirmou o motorista, de 64 anos. No entanto, apesar do arrependimento, o taxista arrisca-se a sofrer uma pena de sete anos pelo crime.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.