O presidente francês, Nicolas Sarkozy, e a sua companheira, a ex-manequim e cantora Carla Bruni, casaram-se hoje de manhã no Palácio de Eliseu. Sarkozy, 53 anos, e Carla, 40, assinaram os papéis do casamento na presença de alguns familiares e amigos.

O autarca do oitavo bairro de Paris, François Lebel confirmou o casamento à rádio Europe 1.

"Casei dois eleitores do oitavo bairro (de Paris), que moram na rua 55 de Saint Honoré", a morada do Palácio presidencial do Eliseu, declarou Lebel. "Esta é a primeira vez na história da República (francesa) que um presidente se casa durante o exercício das suas funções."

Ainda de acordo com Lebel, "a noiva estava vestida de branco e ele estava espectacular, como sempre".

Sarkozy tinha-se divorciado em Outubro passado de Cecilia Ciganer-Albeniz, após onze anos de casamento. Começou a ser visto em Dezembro na companhia de Carla Bruni e há poucas semanas, assumiu o romance numa viagem ao Egipto e à Jordânia.

O relacionamento com Carla - que já namorou com Mick Jagger, Eric Clapton e o multimilionário americano Donald Trump - veio à tona num momento em que a popularidade de Sarkozy é de apenas 48 por cento. Este é o número mais baixo desde que foi eleito, em Maio do ano passado.

A ex-modelo tem um filho de um relacionamento anterior. Já Sarkozy tem três filhos, dois deles do primeiro casamento e o terceiro, Louis, de dez anos, da sua união com Cecilia.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.