Na sexta-feira, Júlia Pinheiro fez um comunicado em direto na televisão. No mesmo, a apresentadora contou que a sua filha estava internada no hospital, devido a uma anorexia nervosa.

Perante a reação de vários meios de comunicação, Rita Ferro Rodrigues quis deixar uma nota sobre o assunto.

"Esta vai sem filtros:

Sou mãe há 13 anos e é nessa condição que vos escrevo.

A saúde, a felicidade dos nossos filhos, está sempre em primeiro lugar. Quando essa saúde, essa felicidade está posta em causa, arruinamos como castelos de cartas.

Perante a fragilidade, a vulnerabilidade dos nossos maiores tesouros, a dor é maior e é comum , seja qual for a nossa profissão, ou o nosso nome .

Por isso daqui peço aos 'jornalistas' diretores de revistas e afins que me estejam a ler : tenham decoro!

Respeitem a intimidade de alguém que não é figura pública. Respeitem a privacidade de uma família, porra. Uma família como a vossa!

Há limites para a sede de " vender ".

Não pode valer tudo.

Não pode.

Sejam pessoas.

Eu não devo nada à Júlia, acreditem, da mesma forma que ela nada me deve a mim.

Une -nos o facto de sermos mulheres, mães e figuras públicas.

Os nossos filhos não escolheram a exposição. Têm o direito à sua intimidade.

Há coisas que não podemos deixar passar em branco porque são demasiado graves.

Peço respeito por esta família, igual à minha, igual à vossa. Provavelmente igual à de tantos que assinam capas de revistas asquerosas.

Tenham RESPEITO e humanidade. Nada mais nos resta", escreveu na sua página oficial de Facebook.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.