António Raminhos voltou a fazer uso da sua experiência própria no combate à ansiedade para deixar alguns conselhos aos seus seguidores.

"Ontem lembrei-me disto. Quem sente ansiedade coloca as mãos no peito, como se quisesse arrancar a dor. Mas são as mesmas mãos que tapam o coração. Tira as mãos do peito e deixa-as cair. Não como quem desiste, mas como quem aceita. Aceita a ansiedade como quem aceita o vento na cara, umas vezes mais suave outras mais forte. Como quem aceita os raios de sol, os que aquecem e os que queimam. Não é diferente", começou por declarar o humorista.

"Sente, vive e passa, porque não a controlo... Apenas a recebo, mas posso decidir recebê-la de coração aberto", continuou, anunciando ainda que este sábado, às 22h00 voltará a fazer um direto para falar de forma mais aprofundada sobre o tema.

Leia Também: António Raminhos recorda início da carreira com foto tirada há 14 anos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.