O ‘chef’ Olivier apresentou uma queixa-crime na polícia contra a ex-relações públicas do seu restaurante Guilty, em Lisboa, Helga Barroso, alegando que esta usava em proveito próprio dinheiro destinado a pagar às figuras públicas contratadas para “presenças” no espaço.

Segundo revela hoje o “Correio da Manhã”, Helga Barroso recebia mensalmente de Olivier uma verba destinada a compensar as figuras públicas que faziam as chamadas “presenças” no restaurante, mas guardava para si uma parte desse dinheiro.

“Ela ficava com parte desse dinheiro indevidamente. Quando descobriu o que se passava, o Olivier deu uma segunda oportunidade à Helga, mas ela acabou por voltar a tirar dinheiro do montante que teria de entregar aos famosos por mais duas vezes”, adiantou ao “CM” uma fonte do Guilty.

O chef Olivier comentou apenas estar “muito triste com as atitudes da Helga”, que se tem mantido incontactável.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.