O ex-presidente brasileiro Lula da Silva rapou ontem as suas velhas barbas e o cabelo, antecipando a queda que a quimioterapia que está a fazer contra um cancro na laringe certamente iria provocar. Apenas manteve o bigode.

O corte radical foi feito por sua própria mulher, Marisa Letícia, no apartamento do casal em São Bernardo do Campo, S. Paulo.

Lula cultivou a barba durante mais de 30 anos, desde a época em que despontava no movimento sindical. Imagem de marca deste político, a barba chegou a ser alvo de muitas piadas dos adversários. Por exemplo, na campanha eleitoral de 1989, na tentativa de estigmatizá-lo, Leonel Brizola chegou a chamar-lhe "sapo barbudo".

Apesar de ter perdido a barba e de estar a enfrentar um cancro, Lula não perde o sorriso, como a nossa foto demonstra.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.