Em maré de reconciliação, Luciana Abreu e Yannick Djaló resolveram desfazer-se do Porsche Panamera que ambos disputaram no verão do ano passado, quando decidiram separar-se.

O automóvel foi vendido, segundo a revista “Nova Gente”, à Impocar de Augusto Fernandes, o mesmo empresário que cedeu a Angélico o BMW que o cantor conduzia na noite do seu acidente fatal, em junho de 2011.

Além do Porsche, a Impocar adquiriu também o Mini Cooper Cabrio que Luciana Abreu habitualmente conduzia.

Acabam, desta forma, as desavenças em torno de um Panamera que alimentou páginas e páginas da imprensa cor-de-rosa quando Yannick Djaló, no auge da guerra com Lucy, veio acusá-la de, abusivamente, ter transferido o Porsche para o nome da irmã, Ana Luísa.

A meio desta semana, Luciana anunciou formalmente que está empenhada em manter o casamento com Djaló, pai das suas duas filhas, e que ambos concordaram em mandar cancelar o processo de divórcio.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.