Liliana Almeida confessou que tem vontade de sair da casa mais vigiada do país, esta terça-feira.

"Quero ir embora porque estou aqui a metade e eu não gosto de ser metade em nada daquilo que me proponho fazer, estar. Gosto de ser inteira e outra metade de mim é estar lá fora", explicou aos restantes colegas do 'Big Brother Famosos'.

"A minha vida está a ser posta em cima de mesas que não devia estar. Resolveram agarrar na minha vida e abaná-la. Preciso de ir lá fora dar a minha voz também, estar do lado de quem precisa que eu esteja e ver resolvida esta situação que para mim foi uma tremenda injustiça", acrescentou, referindo-se à queixa que foi feita ao Ministério Público pelo "comportamento ameaçador" de Bruno de Carvalho para com Liliana Almeida.

"Podem ter uma opinião, mas não devem concluir nada. E o que aconteceu comigo e com o Bruno foi uma conclusão do que viram através de imagens, e isso não. Não devia ter acontecido. Então vou ai fora para conversar com vocês e para vos dizer mais algumas coisas que, se calhar, aqui não consigo dizer. Aguardem por mim", disse ainda.

Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por TVI (@tvioficial)

Entretanto, na sua página de Instagram foi partilhada uma mensagem onde adiantam: "Em novelas sem guião, o imprevisível acontece. A nossa Lili pediu esta manhã um sinal e pelos vistos recebeu-o ainda há pouco. O nosso papel é apoiar qualquer decisão dela. A Liliana decidiu ficar e, enquanto ela quiser, apoiaremos a vontade dela. Não votem nela".

Leia Também: Bruno de Carvalho envia avião com mensagem para Liliana Almeida

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.