O filho de Bob Odenkirk, Nathan, de 21 anos, foi diagnosticado com Covid-19. Uma batalha que foi destacada durante a conversa do ator com James Corden, no 'Late Late Show', na semana passada, afirmando que a doença "é pior que a gripe".

Ao partilhar detalhes sobre o novo coronavírus, a estrela da série 'Better Call Saul' referiu que o filho foi infetado "há algumas semanas".

"Disseram que os jovens não são atingidos de uma maneira tão forte. Desde então, aprendemos que isso tem se ver visto caso a caso", disse o ator, de 57 anos, acrescentando que Nathan "sofreu de asma durante grande parte da sua vida".

"No final, foi muito mau e pior que uma gripe", continuou Odenkirk, citado pelo Page Six. "E, segundo ele, a dor na garganta era a pior coisa de todas, mas acho que também o cansaço e durou mais do que uma gripe", relatou.

O ator de 'Breaking Bad' confessou que "ficou mais assustador pelo tempo que durou", mas, ainda assim, sente que o filho conseguiu recuperar facilmente em comparação a outros casos mais graves.

Agora, com Nathan e a filha, Erin, de 19 anos, novamente em casa, Bob Odenkirk, não podia estar mais feliz por estar rodeado da família, também junto da mulher, Naomi.

"Temos muita sorte de ter uma bela casa que é grande o suficiente para nós", destacou, mostrando-se ainda feliz por ver que todos estão a respeitar a distância social para ajudar no combate à Covid-19.

"Estou impressionado com a cooperação das pessoas e da comunidade. Tu sabes que eles realmente se importante com isto, e é muito animador", rematou.

Leia Também: Príncipe Alberto do Mónaco vence batalha contra a Covid-19

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.