Catarina Furtado usou as histórias da sua conta de Instagram para agradecer o carinho que tem recebido na senda do seu trabalho no programa da RTP1, 'Príncipes do Nada'.

"São tantas as mensagens que tenho recebido sobre o meu programa 'Príncipes do Nada'. Ontem foi dedicado à comunidade cigana. Foi sobre segregação. Preconceitos. Discriminação.

Esta é a única forma de fazer televisão em que acredito. Que me move. Que me estimula. Que me acrescenta. Que oferece um sentido de utilidade a uma profissão de exposição.

Os formatos podem ser diferentes, mas a abordagem não pode nunca mudar. É obrigatório imaginar-me na situação de qualquer uma das pessoas que entrevisto. É assim que sinto que posso contribuir para melhor o nosso país, tento informar, promover entreajuda, cooperação, aceitação e respeito.

Acredito na construção de uma sociedade compassiva e acho que a televisão tem a sua parte de responsabilidade, para o bem e para o mal. São fundamentais os conteúdos formativos, sem lições de moral.

Hoje disseram-me que luto pelas causas, não as enluto. Tenho de facto esperança! Não desisto porque existem tantas pessoas incríveis a fazerem o certo, cabendo-me a mim a honra de as mostrar!", afirmou.

Notícias ao Minuto


© Instagram - Catarina Furtado

Leia Também: "São mentiras absolutas que todos os dias circulam na Internet"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.