"Querido António, é assim que me vou lembrar de ti. A rir e a sorrir. A falar e a pensar mais rápido que todos à tua volta. Com um respeito gigante pelo nosso ofício e também com um sentido crítico muito forte em relação a tudo. Não deixavas ninguém indiferente", foi assim que José Mata começou por homenagear António Cordeiro, que morreu este sábado, 30 de janeiro.

O ator lutava contra a Paralisia Supranuclear Progressiva, doença que lhe foi diagnosticada em 2017. Tinha 61 anos.

Nas redes sociais, foram muitas as mensagens que se espalharam, lamentando desta forma a grande perda.

José Mata não foi exceção e também fez questão de se despedir publicamente do ator. "Foste meu 'pai' na televisão. Lembro-me de tudo. Lembro-me de me dizeres para tentar fazer sempre diferente. E sempre melhor. Lembro-me de tanta coisa, António. Essa m**** de doença levou-te cedo demais", disse.

Na mesma publicação, José Mata destacou ainda a luta que os artistas têm enfrentado. "O mundo está ao contrário e deixaram a cultura a um canto, à espera que alguém lhe dê a mão. Vamos lutar por isso, António. Vamos lutar pela cultura, pelos nossos e por um mundo melhor. Prometo-te que farei a minha parte. Tenho saudades tuas. Mas sei que estarás melhor agora", escreveu.

Antes de terminar, deixou algumas palavras carinhosas à família de António Cordeiro. "Cumprimentos à tua super-mulher e à família. Olha por todos nós e descansa em paz", rematou.

Recorde-se que entre as muitas mensagens que foram deixadas nas redes sociais, destacam-se também as palavras de Afonso Pimentel e Sofia Cerveira.

Leia Também: António Cordeiro. Ministra destaca "coragem" de "intérprete talentoso"

Leia Também: Morreu o ator Licínio França. Filha e ex-mulher, Noémia Costa, reagem

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.