Controlar os conteúdos que os filhos, sobrinhos e netos consomem nos telemóveis pode não ser tarefa fácil, embora atualmente existam várias ferramentas que o podem ajudar nesse sentido.

Numa conversa com os jornalistas que aconteceu no passado dia 5 de setembro no cineteatro Capitólio, a propósito da apresentação da nova grelha da SIC, Renato Godinho contou os detalhes da sua relação com o filho, de 12 anos, fruto da relação já terminada com Patrícia Leitão.

A dada altura, o ator deixou mesmo uma dica preciosa que o ajuda a determinar os limites do uso que o filho dá ao telemóvel, esse aparelho que deixa as crianças dispostas a tantos perigos.

"Eu tenho uma aplicação que controla o tempo de uso do telemóvel, tem horários específicos. Chega às 21h e o telemóvel desliga-se. Sei o que ele pesquisa. Não vejo mensagens escritas mas vejo os termos que ele procura na Internet, não pode ir a sites para adultos e tem uma série de restrições", enumerou Renato.

A aplicação em causa, revelou depois Renato Godinho, chama-se Qustodio. "Dá muito jeito e é ótimo para os pais. Todos os pais que têm filhos com estas idades deviam ter esta aplicação", acrescentou o artista.

Qustodio está disponível nos sistemas operativos Android e iOS e é gratuita.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.