O festival de Sines, feito apenas de artistas da denominada "world music", decorrerá de 19 a 21 e de 26 a 28 de julho.

O guitarrista norte-americano Marc Ribot, acompanhado dos Cubanos Postizos, e o grupo argentino Astillero, na vanguarda do tango, vão estar em julho no Festival Músicas do Mundo (FMM) de Sines, revelou hoje a organização.

A eles junta-se ainda o quarteto do músico tunisino Dhafer Youssef, com uma "síntese entre a tradição árabe, em especial na vertente mística sufi, e a cultura jazz europeia", referiu a Câmara Municipal de Sines.

Marc Ribot, que já atuou várias vezes em Portugal, repete presença no FMM de Sines, mas desta vez com o grupo Los Cubanos Postizos, que fundou em 1998, com um repetório da música caribenha, marcada também pelo rock, uma das matrizes do guitarrista.

Outro dos convidados deste ano do festival será o grupo argentino Astillero, que a organização diz liderar o movimento "tango de rutura", com o pianista Julián Peralta, num cruzamento de linguagens com o jazz e a música experimental.

Da Tunísia apresentar-se-á em Sines o quarteto de Dhafer Youssef, tocador de alaúde, um instrumento que o conecta com as culturas árabe e europeia, em particular o jazz acústico, sublinha a direção do festival.

O FMM tem, para já, cerca de uma dezena de artistas confirmados, que vão da Noruega (Mari Boine) à Austrália (com Gurrumul), com passagem pela cultura tuarege do Níger (com Bombino).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.