Hoje em dia é cada vez mais fácil viajar sem gastar muito dinheiro. Uma das opções a ter em conta é ficar em hostels em vez de hotéis, para além de serem mais baratos também podem ser mais divertidos, mas tenha atenção e informe-se antes de escolher, porque pode sair-lhe o tiro pela culatra! Siga as nossas dicas e encontre o hostel ideal para si!

Tenha atenção à localização - Embora pareça irrelevante, estar perto de transportes como o metro e autocarros, é fundamental para conseguir deslocar-se com mais facilidade, para além disso será mais fácil conseguir descansar ao fim de um dia cansativo. Pode sair-lhe mais caro é verdade, mas acabará por compensar.

Tenha atenção aos horários da recepção - Por norma todos os hostels têm serviço de 24h, por isso à partida não existirá nenhum problema, mas o ideal é informar-se porque não será agradável chegar e bater com o nariz na porta.

Saber se o hostel disponibiliza toalhas e roupa de cama - Embora seja comum todos os hotéis facultarem este tipo de artigos, no caso dos hostels depende muito da política do próprio e por isso informe-se se esses artigos são cobrados à parte.

Quartos partilhados - A maioria dos hostels têm quartos até 16 pessoas. A vantagem é que paga muito menos, mas não terá qualquer tipo privacidade e por isso pense bem antes de fazer a sua reserva, pois é possível escolher quartos com menos camas. Se não gosta de tanta agitação, é preferível optar por um quarto mais reservado.

Recolha informações - Analisar comentários de outras pessoas que já estiveram hospedadas naquele sítio, pode revelar-se muito importante. Vai conseguir ter uma percepção realista do local e se vale ou não a pena hospedar-se lá.

Prefira Hostels com armários privados - Mesmo que viaje acompanhado, o ideal é poder guardar os seus pertences mais valiosos, como o dinheiro, o passaporte, entre outros, num sítio seguro, felizmente muitos hostels já oferecem essa possibilidade. Lembre-se que ao dividir o quarto com pessoas desconhecidas corre o risco de ser roubado, o que não é nada agradável, e por isso tenha em conta este pequeno pormenor.

Escolha do quarto - É possível escolher o tipo de quarto que pretende. Desde mistos a privados, o ideal é adaptar-se à situação em que se encontra. Se viajar sozinho aproveite para ficar nas ditas camaratas e provavelmente fará amizades, se viajar com um grupo de amigos é sempre divertido escolherem um quarto para todos. O único detalhe é que muito dificilmente vão ter um W.C. privativo, pois por norma, apenas os quartos privativos tem essa vantagem, mas claro são mais caros.

Ar condicionado e aquecedor - Embora pareça irrelevante, é fundamental que pesquise se o Hostel os tem. Assim não gasta dinheiro a comprar peças que são indispensáveis.

Elevador X Escadas - Depende muito da condição física da pessoa, mas se viajar com muitas malas com certeza não será nada prático subir inúmeras escadas carregada.

Sala de convívio - Espreite a sala de convívio porque é o sítio onde os hóspedes se reúnem e trocam informações sobre a cidade, poderá ficar assim a compreender melhor o sítio que está a visitar e acabará por conhecer pessoas de todos os cantos do mundo.

Acesso à Internet - A menos que não queira qualquer comunicação com o resto do mundo, ter Wi-Fi é a forma mais rápida de avisar a família e amigos que está bem ou até mesmo de partilhar todos os pormenores da sua viagem.

Pequeno-almoço - A maior parte dos hostels oferecem o pequeno-almoço, mas é possível encontrar alguns em que não esteja incluído. Deve ter atenção porque se vai ficar muitos dias na cidade, tomar o pequeno almoço todos os dias fora pode sair-lhe muito dispendioso.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.