O primeiro hotel de luxo de Cuba, inaugurado em Havana, pelo grupo suíço Kiempinski, tem a assinatura da empresa portuguesa OLI, que equipou todos os espaços de banho com autoclismos e placas de comando hidricamente sustentáveis.

Integrado no edifício histórico La Manzana de Gómez contruído em 1890, o hotel de cinco estrelas, batizado de Gran Hotel Manzana Kempinski La Habana, selecionou para os seus 300 espaços de banho um autoclismo interior e uma placa de comando desenvolvidas integralmente na OLI, uma empresa de Aveiro.

As 10 cidades do mundo onde vai odiar conduzir
As 10 cidades do mundo onde vai odiar conduzir
Ver artigo

O hotel dispõe de 246 quartos e suites com uma decoração inspirada na opulência de Luís XV, um spa, uma piscina e um terraço que oferecem uma vista privilegiada para a zona histórica da cidade.

Nos arredores do hotel, encontram-se o Museu Nacional de Belas Artes, o Paseo del Prado e o “La Floridita”, um dos bares preferidos do escritor Ernest Hemingway e dos turistas.

Veja as imagens do hotel

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.