“Trata-se do primeiro ‘turnaround’ com alguma dimensão na retoma da atividade de cruzeiros que recomeçou neste mês de outubro nos Portos do Funchal e Porto Santo”, depois do interregno provocado pela pandemia de covid-19, segundo a Administração dos Portos da Madeira (Apram).

No documento lê-se que a bordo deste navio viajam 2.320 passageiros e que a operação de excursões em terra, por decisão da própria companhia, vai decorrer “em bolha”.

Com esta medida, as excursões são organizadas pelo armador ou operador do navio de cruzeiro, visando minimizar os contactos com a população local, não estando autorizadas saídas “livres”, nem excursões privadas.

A operação envolve 1.200 dos visitantes, 36 autocarros e 12 jipes, complementa o anúncio.

A Apram destaca que se trata de “o primeiro pedido para excursões em bolha de uma companhia, nestes dez dias de regresso dos cruzeiros ao Porto do Funchal”.

Na nota, explica que nestas excursões, os passageiros do Splendida “vão utilizar e consumir serviços das marítimo turísticas, de bar-restaurante, de ‘souvenirs’, acabando nos carros de cesto do Monte”

A este movimento juntam-se 300 viaturas ligeiras para a operação de ‘turnaround ‘(embarques e desembarques), é ainda referido.

O “MSC Splendida” provém de Tenerife e permanecerá no porto do Funchal das 08:00 às 17:00, rumando depois a Málaga.

Depois de ano e meio sem embarcações, o porto do Funchal começou a receber navios de cruzeiros e a Apram tem registo de mais de uma centena de escalas até final do ano.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.