A Bioenergética são exercícios corporais vinculados com a respiração. Lowen criou-os partindo do princípio de que a criança, quando é obrigada a suprimir a expressão de sentimentos (o que equivale a suprimir o sentimento em si), desenvolve bloqueios corporais correspondentes à emoção que foi suprimida, diminuindo, assim, a mobilidade e a vitalidade do corpo.

A Bioenergética pode ajudar a desbloquear essa expressão. O trabalho de bioenergética visa, por meio de exercícios e posturas corporais, bem como de técnicas de respiração, desmanchar esses bloqueios.

Talvez pergunte: "Para que preciso de tudo isto?" Você é o reflexo de como foi criado na sua infância. Se construir um prédio com a fundação torta, não adiantará caprichar nos acabamentos sem corrigir as fundações. Assim é o ser humano. Se temos dificuldades com situações, elas são reflexo da nossa criação. Então, se não libertarmos os sentimentos presos em situações da infância, dificilmente conseguiremos modificar os comportamentos prejudiciais à nossa vida. A Bioenergética dá-nos essa oportunidade: a de transformar a nossa vida.

Durante 6 meses vamos abordar cada segmento do corpo humano e de como o podemos trabalhar em Bioenergética.

Começaremos pelas Pernas:

Pernas - Insegurança - Poder

A força para realizar as suas escolhas

Quando nascemos, as nossas pernas ainda não estão prontas para caminhar.

Os nossos pais representam não somente nossas pernas, mas também a estrutura básica para começarmos a vida.

Ao longo dos primeiros meses, vamos fortalecendo-nos e estruturando-nos até começarmos a caminhar por nossa própria conta.

Dentro do processo de crescimento, o meio que nos envolve tem um papel crucial na criação de tensões corporais, que acabam por moldar a nossa estrutura física: pés para fora, pés para dentro, pés que ao caminhar pisam mais com o calcanhar ou com a parte da frente, pés que caminham levemente, pés que pisam forte no chão, etc.

A maior parte das pessoas pensa que as pernas são um segmento do corpo que funciona conforme a vontade da mente. A bioenergética mostra que os nossos membros inferiores carregam marcas herdadas da infância que, inconscientemente, levam-nos a ter reacções semelhantes às que tivemos enquanto crianças.

Veja a continuação do artigo na página seguinte

Talvez esteja a achar tudo isto estranho.

Vamos a um exemplo prático: como é que se relaciona com o dinheiro? Acha que tem o suficiente? O dinheiro representa autonomia diante do mundo, poder de escolha. Quando não nos conseguimos sustentar financeiramente, voltamos à situação da criança, que precisa das pernas dos pais para se moverem no mundo, e abdicamos do nosso poder e independência.

É bastante comum que essa pessoa, já adulta, troque a figura dos pais pelo companheiro ou companheira, que se coloca geralmente como a “outra perna” ou “muleta”, sustentando-o e ainda exigindo em troca, mesmo que de forma inconsciente, afecto e amor.

Retornemos à figura da criança: ela vai ao encontro do amor dos pais. Ela cai, mas levanta-se e continua até conseguir alcançar o seu objectivo. Ela tem energia e acredita nesse amor. Em que momentos da nossa vida deixamos de acreditar nos nossos objectivos, ou sentimo-nos sem energia para alcançá-los? Nesses momentos da vida, o trabalho bioenergético com as pernas pode ser considerado um primeiro passo para um caminho de consciência, onde a cabeça e as pernas andam na mesma direcção.

Para poder trabalhar o seu ser através da Bioenergética pode ter consultas individuais com Terapeutas Formados pelo Centro Namasté, pode frequentar sessões em grupo todas as quartas-feiras em Alvalade ou inscrever-se em workshops/ maratonas de Bioenergética. Próximo Workshop de Bioenergética acontece de 4 a 6 de Fevereiro em Alvalade, no Reaj – Say Yes To Life – tudo em www.injoy.pt

Rita Rocha - Satya
satya@injoy.pt
Tlm. 967443624
www.injoy.pt

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.