A origem dos amuletos
Orindo do latim “amuletum”, que significa objeto que deve ser utilizado para defesa, o amuleto sorte foi registado pela primeira vez, com essa finalidade, pelo naturalista e filósofo romano, Plínio – O velho, no ano de 79 d.C. Segundo ele, existem três categorias deste tipo de objeto: aquele que oferece proteção contra as más energias, o que contém substâncias curativas e aqueles que devem ser usados como remédios.

Trevo de Quatro Folhas

Por ser difícil encontrar esta planta com quatro folhas, acredita-se que dá sorte a quem a encontra. Para afastar todo o azar da sua vida com este amuleto deve usá-lo dentro da sua carteira, devidamente plastificado, de forma a que não se deteriore e de maneira a que atraia mais dinheiro para a sua vida. Cada uma das suas folhas tem um significado especial: glória, fortuna, amor sem traição e saúde.

Cegonha

Juntamente com sal grosso, este amuleto, que simboliza o nascimento, protege todas as mulheres na hora do parto. Mão de Fátima. De origem islâmica, este amuleto atrai a boa sorte e protege contra problemas de saúde, trazendo também muita harmonia para o lar. Cada um dos cinco dedos estendidos representa uma virtude: fé, caridade, jejum, oração e peregrinação.

Flor-de-Lis

Este amuleto atrai para a sua vida muita pureza de espírito, ilumina os seus caminhos e ajuda a atingir a perfeição.

Nó Místico

Como simboliza a união cósmica que existe entre tudo, transmite para a sua vida muita paz a nível familiar e amoroso.

Figa

Na Roma antiga, este amuleto era usado para estimular a fertilidade e o erotismo. Hoje em dia acredita-se que a figa ajuda afastar o mau-olhado e atrai a sorte para a sua vida. No caso da sua figa desaparecer, não tente encontrá-la, pois isso quer dizer que ela já estava carregada com más energias e devia sair imediatamente da sua vida.

Ferradura

Para trazer boa sorte e afastar as más energias da sua casa, a ferradura deve ser colocada atrás da porta da entrada, com as pontas para cima. Pode ser também usada, em miniatura, dentro da carteira de forma a protegê-la de todos os azares.

Olho Turco ou Grego

Muito comum na Turquia, este amuleto é bastante usado em acessórios de bijutaria, e tem o poder de afastar o mau-olhado.

Escapulário

Este amuleto protege todos aqueles que o trazem ao pescoço. A esta pequena corrente com imagens de santos ou orações devem ser feitos pedidos especiais, que apenas se realizam quando o escapulário se parte.

Punhal

Tem o grande poder de mudar energias, sendo também um dos grandes símbolos do empreendedorismo e da superação de obstáculos. Os ciganos usam muito o punhal nas suas cerimónias de casamento, que representa a união de duas vidas numa só.

Elefante

Considerado um dos grandes símbolos da sorte, já é muita antiga a tradição de usar este amuleto para combater a inveja e o mau-olhado. Um elefante virado de costas para a porta da entrada de uma casa evita que as más energias se aproximem e atrai dinheiro. Quando sente que necessita de uma ajuda especial, acaricie a tromba deste amuleto e faça o seu pedido especial.

Pata de Coelho

Usado, por norma, em forma de porta-chaves, este amuleto atrai a sorte e o dinheiro para a sua vida. O coelho é também considerado o símbolo da fertilidade e as suas patas representam o equilíbrio do corpo.

Malagueta

Como amuleto ainda é pouco conhecido, mas há quem acredite que a malagueta atrai a sorte e afasta a inveja. Afasta as más intenções dos outros para consigo.

Espelho

Deve ser usado como amuleto da sorte na sua casa. Colocado de frente para a porta da entrada impede que as más energias entrem no seu lar. No entanto, no quarto, perto da cama, atrai o azar.

Maria Helena
www.mariahelena.pt

Blogue http://consultoriodeastrologia.blogs.sapo.pt
Facebook: http://www.facebook.com/MariaHelenaMartinsMHM

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.