Pode haver mal-entendidos, contratempos e obstáculos com os quais nem sempre será fácil lidar. Saiba quais são os quatro signos que vão sentir de forma mais intensa os efeitos de Mercúrio retrógrado.

Mercúrio é o planeta que está mais próximo do Sol. A sua órbita é mais pequena, o que faz com que seja o planeta mais veloz do sistema solar, até porque é também o mais pequeno. Responsável por tudo o que diz respeito ao mundo das ideias, à partilha de informação e ao conhecimento, Mercúrio influencia a vida intelectual e afeta a forma como nos expressamos e como comunicamos com os outros, assim como os próprios processos mentais de cada um de nós. Mercúrio fica retrógrado várias vezes ao longo de cada ano, e sempre que isso acontece a energia cósmica faz-nos "pensar duas vezes" sobre as situações, quer seja porque tendem a desenvolver-se de modo mais lento, quer seja porque as próprias circunstâncias nos forçam a fazer uma paragem ou, pelo menos, a abrandar o ritmo.

Mercúrio encontra-se, em janeiro, no signo Aquário, cuja energia está enfatizada porque há vários planetas a atravessar este signo. Em Aquário, Mercúrio incentiva as descobertas, as inovações e, também, a contestação de ideias, a discussão, a procura pela melhoria de situações sociais. Ao ficar retrógrado em Aquário Mercúrio obriga-nos a reavaliar as questões com que estamos a lidar nestes domínios. Antes de retomar o seu movimento direto e progredir para o signo Peixes, Mercúrio permanece em Aquário obrigando-nos a revisitar os mesmos temas com que nos temos debatido ao longo do último mês.

O período entre o final de janeiro e 18 de fevereiro será, de certa forma, tempo de "voltar atrás" - é preciso reler contratos, ponderar decisões, rever argumentos e tomadas de posição, esclarecer situações, reformular planos e projetos. Só podemos retomar a marcha quando temos a certeza de que não deixámos fios soltos nem casos em aberto.

Mercúrio retrógrado em Aquário pode deixar-nos confusos perante as informações que recebemos, o que nos obriga a evoluir mentalmente e, dessa forma, expande a nossa mente permitindo-nos ver para além do óbvio e ajudando-nos a relacionar fatos, o que faz com que consigamos ver as situações de uma perspetiva mais abrangente, como se estivéssemos do lado de fora delas.

Este período pode apresentar desafios inesperados, mas oferece-nos  uma boa oportunidade para resolver situações que se apresentam complicadas ou complexas e para experimentar abordagens diferentes daquelas que geralmente adotamos.

O Universo ajuda-nos a arriscar sair da nossa zona de conforto e proporciona-nos um conhecimento mais amplo e profundo a respeito de nós próprios, daquilo que temos de resolver na nossa vida individual, e daquilo que nos afeta a todos enquanto grupo.

De acordo com a posição de Mercúrio retrógrado, os nativos do terceiro decanato serão aqueles que estão mais diretamente ligados com a sua energia. Os signos que serão mais afetados por esta influência são aqueles que formam aspetos mais fortes com Aquário. Eles são:

Touro
Por formar um aspeto tenso com Aquário, este signo terá alguns desafios pela frente, principalmente a nível profissional. Poderá haver falhas de comunicação, mal-entendidos e atrasos e, sobretudo, será difícil manter a ordem e a estabilidade de que tanto gosta, pois depressa perceberá que os métodos que antes usava já não surtem o mesmo efeito. Terá de aventurar-se em domínios que desconhece, o que não é fácil para estes nativos, mas os resultados podem ser bastante compensadores. Devido ao facto de Marte e Úrano estarem no seu signo, há uma tendência latente para explosões, que deve tentar a todo o custo evitar. Respire fundo e tente encontrar as soluções de que precisa, sem se precipitar.

Leão
Este é o signo oposto a Aquário e, como tal, tanto Mercúrio retrógrado como outros planetas (Vénus, Júpiter, Plutão, Saturno e também o Sol) estão a "varrer" a sua vida amorosa, nomeadamente no que diz respeito a um relacionamento ou compromisso afetivo. Haverá uma forte revolução a este nível, que vem obrigá-lo a definir melhor os seus limites (afinal de contas, Aquário é o signo que mais preza a sua liberdade). Ao conseguir definir melhor a sua posição e aquilo que procura, conseguirá avançar com maior segurança e certeza. Poderá ver-se envolvido em situações duvidosas, que o deixam inquieto por não saber como lidar com elas, mas vai conduzi-lo para o caminho que é melhor para si.

Escorpião
A vida familiar e os assuntos relacionados com a sua infância, os traumas ou marcas que ficaram em si e tudo aquilo que afeta mais diretamente a sua segurança emocional estarão em destaque durante este período. É tempo de se encontrar a si próprio e, especialmente, de saber manter a sua integridade em tempos de incerteza, descobrindo maneiras de ser quem é, expressando livremente a sua individualidade, sem se deixar afetar por aqueles que estão à sua volta.

Aquário
Porque Mercúrio se encontra retrógrado no seu signo, a sua identidade pessoal será reavaliada por si mesmo. Pode deparar-se com aspetos da sua personalidade que não lhe agradam ou que não reconhece, sentindo que se encontra num processo de profunda transformação interior. Nem sempre será fácil conseguir expressar o que sente e pode até sentir, por vezes, que é mal interpretado ou que ninguém o compreende.

Embora estes sejam os signos mais afetados por Mercúrio retrógrado em Aquário, todos os outros estarão, de alguma forma, em ligação com esta influência. As pessoas que têm o Ascendente ou a Lua em algum destes signos estarão também mais suscetíveis a este movimento planetário.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.