Será um período de grande crescimento e transformação pessoal e relacional principalmente através de desapegos e perdas.

Pois é, é isso mesmo que ouviu falar, eu sei que não gosta mas….quem gosta??

A mensagem principal deste trânsito é: “Para verdadeiramente aprenderes a ganhar uma maior segurança interna frente a qualquer medo, é preciso antes de mais aprender a perder!”

Recordando que retrógrado implica sempre uma época de revisitarmos o passado e virarmo-nos para dentro fazendo mais reflexão, revisão e um possível abrandamento em tudo o que estamos a fazer, com Júpiter o convite será :

1º - Enfrentar medos inconscientes de ficar sozinho, de não ter o controle, de perder a razão e principalmente de olhar para a sua própria sombra e carência.

- Conhece aqueles relacionamentos onde não conseguimos estar, mas também largar e sair deles? Onde sentimos que há mais conflito e confronto e menos partilha, doçura e respeito pelos valores e necessidades do outro?

- Onde há mais desgaste que expansão? Onde existe uma certa competição e pouca compreensão?

- Pois é…os tais relacionamentos kármicos vão ter agora uma oportunidade de serem curados e transformados por 3 fins possíveis.

a) Através de uma separação pacífica onde cada um percebe a mensagem e aprendizagem da relação em si e a larga naturalmente assumindo o seu poder, valores e princípios intrínsecos que regem a sua vida neste momento.

b) A relação permanece mas só depois de uma profunda transformação em ambas as partes, podendo aprofundar a relação a outro nível pondo- se em cima da mesa o que realmente cada um necessita e precisa para a relação funcionar, respeitando isso em ambas as partes, se isto não violar os seus princípios e valores mais profundos.

Se a transformação ocorrer só numa das partes a vibração energética da relação já não será a mesma, mostrando frequências energéticas diferentes de consciência, levando ao rompimento…

c) A relação acaba, mas com violência, raiva, rancor e ressentimento por ambas as partes, mantendo a ligação energética e karma da relação através da resistência em aceitar quem se é, quem é o outro e a situação em si…pois tudo o que se resiste persiste!

2º Ao nível empresarial, será o mesmo, tomar consciência de como evadimos os valores do outro assim como nos permitimos ser evadidos pelos outros, percebendo o que realmente deve ser transformado, mudado e desapegado ou mesmo aprofundado através da partilha a vários níveis.

3º Grandes transformações emocionais e por conseguinte espirituais. Haverá revelações de forças e poderes ocultos que nos darão um novo chão e segurança interna.

4º Grandes revelações de manipulações ocultas de poder sobre o outro ou outros, podendo ser através de serviços prestados ao nível social económico e burocrático.

5º Aumento de mortes ou fins de ciclos de vida. Poderá haver processos de pessoas que inconscientemente ou mesmo conscientemente decidirão “partir” desta realidade e dimensão por libertação ou desistência em viver de um modo disfuncional e sofrimento.

6º Aumento de revisão de investimentos, ordenados ou dívidas bancárias e fiscais.

7º Expansão de parcerias ou comunhão de bens que estavam em ”stand by” no passado.

Com isto finalizo convidando-o\a a aproveitar esta altura para se permitir soltar, crescer, mudar e viver de acordo com o que realmente sente ser o melhor para si sem violar os outros, procurando a segurança interna nos seus valores e princípios que regem a sua vida!

Filipa Andersen

geral@filipaandersen.com

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.