O ano começa com grande parte dos planetas no elemento terra, a Lua no signo de Touro reafirma que necessitamos de sermos firmes, resistir e persistir é o lema da construção.

Antes de deixar o signo de Capricórnio a deusa do amor, Vénus tem um encontro com Plutão logo no dia 2 a trazer algum tipo de conflito. Podemos ficar mais exigentes e o melhor será utilizar a energia sábia de Capricórnio, sem exigir que o outro satisfaça as nossas necessidades.

Dia 3 a energia muda com a entrada de Vénus em Aquário, a trazer leveza na forma como nos relacionamos. Encontra-se com Júpiter e a energia fica mais leve, alegre e a vida financeira também melhora com este aspeto.

A Lua cheia chega no dia 7 e aqui existe uma explosão de sentimentos. Chegou a hora de cortar laços e vínculos emocionais que não fazem mais sentido.

Dia 13 o planeta Marte retorna ao movimento direto. E assim chegou a hora efetuarmos mudanças, novas aprendizagens. Devemos estar recetivos ao novo.

Dia 15 Vénus desentende-se com Úrano, a trazer alguma instabilidade em termos relacionais. A vida financeira também passa por oscilações.

Dia 18 o Mercúrio fica direto. Chegou a hora de encerrarmos assuntos pendentes.

Dai 21 o Sol e a Lua encontram-se no signo de Aquário dando início ao novo ciclo da Lua.

Dia 25 o encontro benéfico entre Sol e Júpiter traz alegria, generosidade, sorte nas nossas iniciativas que produzem bons resultados.

Dia 27 traz a doçura, empatia e a necessidade de encantar com a entrada de Vénus em Peixes. Este ciclo também confere uma necessidade de analisarmos a nossa vida relacional.

A Lua visita o signo de Touro para encerrar o mês a trazer a persistência e capacidade de construção.

Cristina Candeias

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.