Comprar nos saldos com consciência é possível. Mas, para isso, é preciso fazer uma preparação e conhecer algumas formas para que não o faça impulsivamente. Se quer aproveitar esta época e, ao mesmo tempo poupar, damos-lhe neste artigo oito dicas para se guiar antes de ir às compras.

1. Consulte o seu armário para identificar o que precisa

Antes de ir aos saldos, o primeiro passo é consultar o seu armário de forma a fazer uma revisão daquilo que já tem e perceber de que peças precisa.

Assim, evita adquirir roupa em duplicado e fazer compras por impulso. Ao identificar as peças que fazem falta no seu armário, isso vai facilitar as suas escolhas nos saldos.

2. Faça uma lista e defina um orçamento

Outra dica, e das mais importantes que se deve fazer antes de qualquer ida às compras, é a elaboração de uma lista e a definição de um orçamento.

Depois de identificar as peças que quer adquirir, liste-as. Após isso, defina o valor máximo que pode gastar. No momento das compras, vá contabilizando o preço à medida que escolhe as suas peças para se certificar de que não ultrapassa o orçamento.

Se tiver estes dois elementos bem estruturados é mais fácil não se perder ou divagar nas suas compras.

3. Pesquise online previamente

Se for comprar a uma loja física, faça uma pesquisa online prévia. Isto para que seja mais fácil saber os estabelecimentos que têm os items que pretende adquirir aos melhores preços.

Além disso, ao saber os preços a que estão as peças é mais fácil construir um orçamento realista.

4. Escolha peças intemporais

Os saldos são uma boa época para aproveitar peças mais caras a bons preços. Nesse sentido, pode optar por comprar items a que vai dar uso durante bastante tempo, ao invés de estar sempre a optar por artigos com menos qualidade.

Por exemplo, pode apostar em peças de lã, camisolas básicas, camisas, sobretudos e peças mais caras de qualidade superior.

5. Leve o seu próprio saco

Desde dia 1 de julho de 2021 que os sacos já não são oferecidos pelos comerciantes. Por lei, passou a ser obrigatório o seu pagamento em loja.

Portanto, para que poupe e não esteja a comprá-los em cada sítio que for (que depois acabam por ir para o lixo), opte por levar o seu próprio saco de pano, por exemplo.

6. Aproveite peças de outras estações

É comum estarem peças de outras estações nos saldos. Por isso, este ano pode encontrar items mais frescos e que podem servir para as próximas estações.

Porque não aproveitar para apostar já nesses artigos que estão agora a preços mais baratos? Assim, acaba por poupar mais à frente.

7. Levante o montante máximo que pode gastar

Um truque que pode utilizar e que o vai ajudar a não gastar mais do que o orçamento estabelecido é levantar o valor máximo que estipulou.

Se tiver o dinheiro em mão e se se limitar apenas à sua utilização, é mais fácil não ultrapassar o orçamento que definiu.

8. Contabilize as vezes que vai usar a peça em questão

Também existe um truque que o ajuda a perceber se vale ou não a pena comprar uma peça. Antes de ir para a caixa de pagamento, pense nos outros artigos que tem no seu armário.

Depois contabilize a quantidade de vezes que vai conseguir conjugá-la com as que já tem. Se o número dessa conta for superior ao preço da peça, vale a pena a sua aquisição.

Seguindo estas dicas é mais fácil fazer as suas compras e poupar nos saldos, acrescentando ao seu armário apenas artigos de que realmente precisa e que vai efetivamente utilizar.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.